quarta-feira, 17 de setembro de 2008

O verdadeiro espírito Olímpico




O verdadeiro espírito olímpico só ocorre após os jogos olímpicos, são as paraolimpíadas! Se os atletas olímpicos sofrem com a falta de subsídios do governo, falta de apoio, falta de patrocínio, então imaginem os atletas paraolímpicos? Esses são vencedores e estes sim são vencedores só de estarem ali e não é por suas “limitações” que de limitado eles não têm nada! Eles são vencedores, levam o país no peito e participam com raça, vibração e não tem um discurso de “só de chegar aqui está bom”, eles querem mais, muito mais.
Se os atletas favoritos e o futebol não agüentaram a pressão? Talvez tenha sido isso, aliado a um baixo apoio (com exceção ao futebol, é claro), apesar de muitos competirem em circuitos internacionais a falta de estrutura é percebida, mas mais do que a falta de incentivo é a falta de vontade, não que eles não queriam estar lá em Pequim. Mas não havia brilho, aquele brilho que vimos em César Cielo, a gana, a vontade de vencer, tudo no momento é superado. Se ele era apontado como favorito? Não era, a esperança caía em Tiago Pereira que tinha despontado no Pan2007 e desapontou em Pequim. E digo que a superação é maior que as dificuldades como visto nas Paraolimpíadas.
Hegemonia americana? Não em Pequim! Após a confirmação de que a China iria sediar os jogos, há alguns anos atrás, o governo investiu pesadamente no esporte e os resultados estão aí, 1ª Colocada nas Olimpíadas e Paraolimpíadas,este, com mais que o dobro de medalhas de Ouro para o 2º colocado Reino Unido.Brasil terminou entre as 10 potencias paraolímpicas, em nono estabelecendo a melhor marca nos jogos com 16 medalhas de ouro e um total de 47!
Outro fato nesses jogos, foi uma ‘mutreta’ realizada contra o Brasil, nosso Clodoaldo ‘Phelps’ foi transferido de categoria dias antes de sua estréia., acho que as mudanças podem ocorrer, mas deveriam ser no período de qualificação para os jogos e não dias antes. Mas mesmo assim tivemos a presença de outro fenômeno das águas Daniel Dias com 9 medalhas: 4 de ouro, 4 de prata e 1 de bronze e o nosso Usaín Bolt, Lucas Prado que venceu nos 100m, 200m e 400m.
Por que eles não transmitem os jogos Paraolímpicos? Ao menos veríamos mais medalhas de ouro, hino nacional sendo tocado e cantado, mas há que ressaltar que nas Paraolimpíadas devido as categorias de limitação existem mais premiação e mesmo assim na relação atleta/medalha a relação nas Paraolimpíadas é melhor que nas Olimpíadas, fato.
Que sirva de inspiração para os atletas, principalmente do futebol.

2 Comentários:

Blogger Rafaela Oliveira disse...

Ah!100% com essas coisinhas talvez seja bem complicado.

Post novo ^^
É verdade,isso sim é força de vontade e tudo mais.
Deveria motivar as pessoas a muito mais.

18 de setembro de 2008 20:47  
Blogger C.J disse...

A Paraolimpiadas e um evento tao importante quanto as Olimpiadas,pena que a midia nao ve isso.Nao e como nas olimpiadas em que todos os atletas tops se conhecem e treinam juntos.Eu acho que a Paraolimpiadas devia acontecer era antes das Olimpiadas, pra servir de exemplo.

Esporte = forca de vontade,o psicologico e muito mais importante do que ter o patrocinador ou o equipamente certo.

18 de setembro de 2008 22:59  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial